Até...



Perco-me na minha imaginação
Disperso-me em sonhos
Em devaneios loucos
E simplesmente nada muda
As marcas da distância
Dilaceram o meu coração

Perdi toda a sapiência
As cicatrizes da lembrança
Doem como uma ferida aberta
As estocadas desta ausência
Ferem-me mortalmente o peito

O que faço desta solidão
Tentativas vãs de a dispersar
Busco consolo em mim mesma
Dou asas aos pensamentos
Deleito-me com imagens forjadas
Totalmente falsas
Construo castelos nas nuvens
Que logo são destruídos
Pelos ventos da memória

Tento satisfazer a minha solidão
E no auge do meu sonho
Navego célere na ilusão
Embalada pelo desejo
Jorro lágrimas sentidas
Sofridas, amargas
Desfaço a perpetuação
Desta maldita solidão

***

...Sempre


(Imagem By Som Do Silêncio)

This entry was posted on . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0. You can leave a response.

53 Responses to “Até...”

Sol da meia noite disse...

Ausência que gera solidão... solidão que gera dor...
Como te entendo...

Beijinhos

Flash disse...

Quem escreve assim só pode ser sensível e linda.
Quem escreve assim só pode encerrar em si a beleza que se pode descobrir em galerias imensas escondidas no nosso mais profundo sentir.
Nunca deixes de construir, de imaginar, de tentar ganhar asas.
A solidão não é estar só, é não saber amar.
Tu sabes, e sabes que sabes. Voa...

Um beijo enorme

(não há muitos textos com que me identifique tanto como com este)

Jose disse...

A solidão é um sentimento perverso.
Ou adoramos como também sofremos.

Belo poema .


Um beijo


José

luafeiticeira disse...

A foto é tua? É linda!
beijos

ContorNUS disse...

Hoje coube-me a mim "inaugurar" a lista de comentários !!!

Fiquei surpresa pela imagem da tua autoria. Casa muito bem com as palavras... singular.

memórias guardadas no mais côncavo dos segredos... envolto de mistérios..profundos e intensos sentires...

SaM disse...

" Se eu hoje te disse-se que o sol Brilha só para ti?"

A solidão é dos piores sentimentos que se pode experimentar...

Mas o céu não é de ninguem... =)

Abraço, e solta-te pelo céu!

SaM*

[Entre o céu e o Mar]
www.samuelrolo.blogspot.com

Um Momento disse...

Invadiram o meu sentir,
Tais palavras proferidas
Neste poema FANTÀSTICO
Que aqui li minha Querida...


Deixo-te um beijo Sentido
Agradecido por momento tão "Real" nas tuas palavras aqui sentido

PS: a Imagem está 5*
Parabéns!

Beijo GRANDE!!!!!

(*)

Joseph disse...

Som do Silêncio
Olá

Não tens aparecido...

Mais um poema muito bom...
Muito bom mesmo.
Mas ATÉ...........SEMPRE!...
Pelo meio, só perguntas, questões,
solidão, procuras, tentas encontrar-te tu própria, em amor, em sensualidde, mas com uma tristeza tremenda.

Gosto de te ver mais alegre...

(Quando vais buscar os prémios?)
Linka-te.

Beijinhos ternos** com carinho.
(Um bom Domingo)

Amanhã faço anos, devo estar ausente, mas está cá o meu blog com alguma coisa.

Neste momento tem um poema que tenho a certeza ias adorar porque é da poesia que gostas.
Atreve-te e vem até cá.

Kapikua disse...

Eu amo as tuas palavras

Neste poema que soa e cheira a despedida, deixo-te o meu coração...

para que a tua solidão
não passe de 1 ilusão!

Beijo lambido nessa BOCA!

U Ó Mãe Que Dava Pulos disse...

Que pena (re)encontrar-te assim triste...Apesar da longa ausencia nunca estiveste sozinha! Essa solidão...dói muito mas vai certamente ser ultrapassada.Sem pressas mas com firmeza.
Um beijinho grande.

antonio disse...

Minha queria, não é só o teu poema, eu estou assim,desiludido,nostálgico e na esperança de ke os lençois façam o milagre de amanhã estar bem melhor, fizes-te uma significativa ausência, mas voltas-te e como sempre cheia de sensualidade,agradeço as maravilhosas coisinhas que me dás a ler!

Oliver Pickwick disse...

A sapiência apenas hiberna, aguardando, quiçá, o sentimento de coragem capaz de apagar um passado que nada mais é que um fardo vazio.
Beijos, prezada amiga!

A Minha Vida... disse...

Desculpa estou sem tempo pra ler todos os blogs e comentar os textos todos,só vim dizer que voltei e depois leio tudo com mais atenção prometo =)
beijo*

Blue Velvet disse...

Amiga,
até sempre???
beijinhos e veludinhos

Crónica disse...

Lendo assim
só posso dizer que tu melhor que ninguem te sentes viva
as dores despertam-nos para o sentido de sermos alguem
:)
Jinhuz da louca

Gui disse...

Gostei muito deste blog e também do poema. Parabéns

Siala ap Maeve disse...

Minha querida já tinha saudades de te ler...a solidão é mesmo uma amiga cruel e ingrata, mas cabe-nos a nós aprender a conviver com ela retirando dela o melhor que nos pode dar...entendo-te muito bem...
Bjos meus

LNeves disse...

O sentimento de solidão adia ainda mais "o fechar" das feridas... Adorei... É sempre reconfortante ler-te...

***MUAH***

Noivo disse...

assim não!

Diva disse...

Complicado...mas sempre estamos "acordadas"
Enfim...
Bjs meus

poetaeusou . . . disse...

*
até . . . já,
,
conchinhas
,
*

efeneto disse...

Hoje, não deveria ter acordado.
E começa a ser ridícula toda esta impossibilidade de opção.
Alguém nos perguntou se queríamos ter nascido?
A resposta agora também pouco interessa.
Mas hoje, eu deveria ter direito a dizer que não, não me apetece abrir os olhos e ver um qualquer pormenor magnífico, um qualquer momento raro.

Hoje nada me delicia e muito menos sacia.
Mas alguém me dá o direito de não ser eu por 24h?
De nascer para uma qualquer vontade maior longe deste corpo morto e fétido?

Devia poder dar-me esse direito, esse propósito.
Mas desde quando o que deve ser o é de facto?
Raras são as vezes e sempre pouco oportunas.


Então deixem-me dormir...E amanhã de manhã, ao primeiro raiar do sol, perguntem-me baixinho:

- " Então pequeno, sempre quer nascer hoje para o mundo? "

Quem sabe talvez assim, com jeitinho, se levante a força e se cerrem os punhos para a batalha constante da vida e para a guerra eterna que mora em nós.
Mas de certo nasceria novamente para lhe desejar um fim-de-semana com aquilo que mais deseja.

Até amanhã.

espelhodesombras disse...

Olá Silêncio, este teu poema está lindo, deslumbrante e poeticamente incrível. A solidão aí desvelada é a minha, a tua a nossa solidão.

Muito bom.
João Costa Filho

espelhodesombras disse...

Olá Silencio, este teu poema está simplesmente bom, deslumbrante. Qualquer poeta de truz assinaria com orgulho.
Lindo, até tua solidão é linda.
beijos
João Costa Filho

Joseph disse...

Som do Silêncio
Olá

Passei e aqui fica o registo dos votos de um bom fim de semana para todos, pois parece que vem aí mau tempo

Beijinhos ternos;)**

(Aparece)

MARIA MERCEDES disse...

Até sempre, deveria sugerir que estaríamos unidos até que a última estrela se apagasse, e não o adeus cheio de tristeza...

Eu fico sempre cheia de engulhos com o Até Sempre

beijinhos bem sonoros

Sha disse...

Esse "até sempre" já tem mais de uma semana!

Não está na hora de voltar?

Espero que estejas bem.

Bjinho
Sha

Be_Yourself disse...

Hello!

Que solidão amiga, ainda bem que vim aqui hoje e vi este post.

Que maldade a minha de pedir conselhos e falar contigo sempre que estou em baixo e nem passo pela cabeça ver que estavas tão em baixo.

Amiga apenas desejo que superes esta fase com Tu sempre conseguis o fazer. Tens tudo para ser feliz, e espero que mais cedo que Tu esperes encontres alguém que te tire dessa solidão, que por vezes nem os amigos nos conseguem tirar.

És Magnifica beijo do teu amigo.

See You

luafeiticeira disse...

Onandas...?
Beijocix meus e de...

Paradoxo disse...

um BEIJAO paradoxalmente terno!
nao é uma fábula é fabuloso!!

Serenidade disse...

É mesmo isso, tenta desfazer a perpectuação da tua solidão, ordena-lhe que se vá:)

Serenos sorrisos

Bichinho disse...

Beijo fantasma.

U Ó Mãe Que Dava Pulos disse...

Tens um "Silecio" nas "Deusas..." á tua espera.
Um Beijinho

Blue Velvet disse...

Querida,
tenho sentido a tua falta.
Passa por lá: tens lá uns miminhos para ti.
beijinhos e veludinhos

Pearl disse...

muito , muito bonito!
Triste, mas bonito...
Desde a escolha das palavras à sua organização. BRAVO!!!
:o)))***

efeneto disse...

Queria ter sido um príncipe
Desencantado de alguém
Queria uma paixão passageira
Um amor delinquente
A total desilusão do depois.
Queria ser o sonho frustrado
O homem errado
Queria não ser o alguém que conquista
Pela palavra bonita.
Queria apenas que o seu fim-de-semana
Fosse aquilo que sonha ser.

Um beijo de amizade.

Um Momento disse...

Passei só para deixar um beijo...
No teu lindo coração

(*)

conhecimento disse...

Espero ansiosamente o teu renascer!!!
C/beijinho para um bom DOMINGO.

Memory disse...

Renascer....Renascer....

Um abraço

vagabundo disse...

Contigo,
Nunca estarás só...
Porque és todos quantos assim se sentem,
e esses...
São muitos...
Demasiados para estares só.
E sabes,
Assim, também és um pouco "eu"...que assim, há muito que me sinto.
Bem vinda amiga;
Ao meu mundo de solidão.

vagabundo disse...

Contigo,
Nunca estarás só...
Porque és todos quantos assim se sentem,
e esses...
São muitos...
Demasiados para estares só.
E sabes,
Assim, também és um pouco "eu"...que assim, há muito que me sinto.
Bem vinda amiga;
Ao meu mundo de solidão.

suruka disse...

Olá Minha linda amiga

Entro com pesinhos de lã
" silenciosamente "

E saio bem devagar
deixando um leve ruído em forma de " Até "

bj

Olhos de mel disse...

Oie minha amiga linda! Faça dessa solidão, caminho para um encontro consigo mesma. A felicidade está dentro de cada ser. O que dificulta encontrarmos com ela, é que a procuramos externamente. Não é fácil, mas precisamos aprender. Também passei muito por isso e tenho procurado vivenciar o outro lado da história.
Beijos

a_Dreamer disse...

Muito bonito o texto... de uma forma simples revelas sentimentos complexos por natureza... saudade solidao, ausencia, lembranças eternas... tudo se parece conjugar em momentos que nos angustiam...
e preciso saber transforma-los em algo que nao nos atormente e continuar em frente...

Abraço
fica bem

ps: gosto dos teus txt's

NAELA disse...

Excelente blog!
Adorei as imagens, os poemas!

mitro disse...

Life is strange thing!

Joseph disse...

Som do Silêncio
Olá

Continuamos à tua espera.
Temos saudade dos teus poemas...
Destas pérolas......

Beijinhos ternos:)**

============================
Olá...
Foi aqui que encomendaram?

|““““““““““““““““““““““““||_
|...............*AMOR*...........|||“|““__
|________________ _ |||_|___|)
!(@)“(@)““““**!(@)(@)***!(@)““

|““““““““““““““““““““““““||_
|............*CARINHO*.........|||“|““_
|________________ _ |||_|___|)
!(@)“(@)““““**!(@)(@)***!(@)““

|““““““““““““““““““““““““||_
|............*ALEGRIA*.........|||“|““__
|________________ _ |||_|___|)
!(@)“(@)““““**!(@)(@)***!(@)““

|““““““““““““““““““““““““||_
|............*AMIZADE*.........|||“|““_
|________________ _ |||_|___|)
!(@)“(@)““““**!(@)(@)***!(@)““

|““““““““““““““““““““““““||_
|........*FELICIDADE*.......|||“|““__
|________________ _ |||_|___|)
!(@)“(@)““““**!(@)(@)***!(@)

Entrega feita!
Participa na campanha FAZ UM AMIGO FELIZ!!!
Manda esta encomenda p/ todos os teus amigos.
Não a reenvies para quem ta enviou........
Vou fazer outra entrega ...fuiiiiiiiiiiii

Beijinhos amigos**

charroco disse...

Ora , andava eu à pesca , por estes mares a dentro , quando o raio do leme se avariou e vim dar aqui . Olha , desculpa o abuso , mas dei uma volta aqui pela ilha , e então não é que curti .
Bem , vou partir (à deriva), mas deixo o convite para passares lá pelo meu "Charroco" , pode ser que gostes .

Shelyak disse...

Recolhemo-nos no nosso mundo...e se for rico, por certo que tudo se consegue ultrapassar... mas dói, sim...
Forcinha...
Beijinho que te deixo!

Blue Velvet disse...

Onde andas tu, amiga????
Beijinhos e veludinhos

skin on skin disse...

Saudades...forever...não sei se voltei, mas passei para te dar um beijo de carinho por passares pela minha "casinha"...brigado!
Beijão doce

lurainbow disse...

Andei distante , sem agradecer os comentarios feitos nas minhas postagens em meu BLOG mas por momentos voltei e com uma surpresa para ti ;) Passa por lá ...
Tinha k arranjar forma de vos AGRADECER né ?

Beijinhos

Com tempo passo tb para te ler melhor e talvez eu tb voltar a escrever afinal postei eu a CANTAR C ABRUNHOSA ou para ... lol
Fixeeeeeeeeeeee

Å®t Øf £övë disse...

Só um verdadeiro amor é capaz de encurtar as distâncias e as barreiras fisicas.

Com tecnologia do Blogger.

Popular Posts

Contact Us

Nome

E-mail *

Mensagem *