Horas...

Adianto as horas para te procurar no tempo
busco no passado qualquer sinal de ti
olho para dentro do meu peito
não te vejo...
remexo nas horas do passado
puxo-as para o presente
momento desesperado!
os ponteiros caminham num compasso lento
morro por um segundo...
trago-te para mim
assim as horas talvez não passem de uma ilusão
quero ter-te perto de mim
não mais deixar-te partir
ai as horas que cruéis são...
Beijokas

This entry was posted on and is filed under ,. You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0. You can leave a response.

2 Responses to “Horas...”

Anónimo disse...

Escrevo-te
Este poema no
Silêncio do
Meu quarto.


Escrevo-o
Reflectindo
Pelo que senti
Por aquilo que sinto
E ainda,
Pelo que hei-de sentir.


Escrevo,
Pois só assim
Consigo comunicar,
Transmitir os meus sentimentos.


No silêncio
Penso
Retorno ao inicio,
Releio o que escrevi.


Mas a inspiração
Não me invade...
Fica a minha escrita
Por aqui!
(autor desconhecido)
Como prometido aqui esta um comentario, espero que continues com o bom trabalho que estas a fazer aqui...
Beijos João Miguel

Maria disse...

Atrasa o relógio miga, ou melhor coloca no lixo e vive num Tempo sem Tempo, is gudeeeeeeeeeee!!!
Beijitos
Maria

Com tecnologia do Blogger.

Popular Posts

Contact Us

Nome

E-mail *

Mensagem *