Páginas da Vida



As páginas da vida são cheias de surpresas...
Existem capítulos de alegria,
De tristezas,
Mistérios e fantasias,
Sofrimentos e decepções...
Por isso, não rasgues as páginas,
Nem saltes os capítulos,
Não te apresses a descobrir os mistérios.
Não percas as esperanças,
Mesmo quando tudo parece irremediávelmente perdido.
E não esqueças o principal.

No Livro da Vida,

O Autor és Tu.

This entry was posted on . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0. You can leave a response.

15 Responses to “Páginas da Vida”

Maria disse...

Uma Verdade,
Na Vida o actor principal és Tu,
O público, esse é quem te rodeia, vai aplaudir e sorrir, criticar e maldizer, mas no fundo não passam de uns coitados que são simplesmente público. Um mal necessário.
Poucos são os que pensam, que escrevem e que praticam, desses, os eleitos Tu fazes parte deles... Continua nessa estrada de interrogações, de reflexões e quando te criticarem, olha e simplesmente ignora, porque nem merda merecem, acredita amiga.
Beijitos

suruka disse...

Sao coisas do Mundo
retalhos da vida.

A vida em forma de livro.


bjs

Maria disse...

Bem Minha Amiga,
O espaço é teu, assim como o Blog, mas espero que não te zangues porque vou aqui dizer umas quantas aos comentadores, esses que só falam para aumentar as visitas nos seus cantinhos. Técnicas de Buzz Marketing, muito usadas mas poucos eficazes, peço então a tua licença e aguardo a tua aprovação?
Até já, Beijitos

Som Do Silêncio disse...

Querida, se eu quisesse punha os comentários moderados, mas como o mundo é livre todos podem comentar, e dizer da sua justiça.
Beijitos e tás a vontade querida, tu e quem mais queira comentar.

Alma Nova disse...

Grande verdade minha amiga! Cada um é o autor e actor da sua própria peça de teatro, só assim a vida faz sentido e vale a pena ser vivida. todos os outros não passam de meros espectadores e, muitas vezes, nem isso sabem ser. Já agora, deixa-me dar aqui o meu apoio à Maria, realmente é triste de ver como as pessoas se utilizam dos outros em proveito próprio... São dignas de pena. Jokitas miguita.

Maria disse...

Quem me conhece da Blogesfera sabe que sou (M)azinha, dizem eles e elas, simplesmente porque de quando em vez digo umas quantas, gosto de violência fraseada...

Suruka disse...
A vida em forma de livro?
Em que livraria, prateleira, secção ou afins a posso encontrar?
Era fácil meter a vida num livro, assim já nã era preciso metyer outras coisas na vida para conseguir viver.

libertynus disse...

esclarece-me, essa boquinha linda e sensual é tua?

≈♥ Nadir ♥≈ disse...

Umenorme verdade :)
beijinhos

Dias... disse...

Gostei da escrita e da actitude, parabéns.
Beijo

vida de vidro disse...

É verdade que somos nós que escrevemos a nossa vida. Somos, pelo menos, os autores e actores principais. Uma estranha mistura, mas só assim se vive de verdade. **

mago dos sonhos disse...

Saudações!

Passei para desejar a continuação de um agradável Domingo. Sábia relflexão esta, puras palavras. Nas montanhas gélidas do Norte, da profundeza dos mantos brancos de neve, majestosa força no meu corpo estremece, que meu batimento descompassa e minha carne entorpece...

Sonhos Mágicos

Adriano Bichano disse...

Vem aprender a chupar comigo

Gaja Boa 1 disse...

Há que conhecer a escuridão para valorizar a luz...

Maria disse...

Voltei Amiga,
Prometido é devido, vamos lá então dar uma coça nestes comentários!

- Libertynus,
Que pena os teus olhos só verem a boca, poderiam ir mais longe e apreciar a escrita, mas existem limitações que se chamam cegueira da incultura.

- Adriano Bichano,
Nem vou sequer perder muito tempo com este "ANORMAL", depois de uma visita ao espaço que ocupa na Internet fiquei elucidada.
Coitado, está no fundo do poço, afogado na ignorância de pensar que escrever é debitar insultos.

UMA OPINIÃO AMIGA,
Não moderes os comentários, mas não deixes que o teu Blog seja invadido por anormalidades.
Beijitos

Sensualidade Caliente disse...

A vida e feita de paginas que formam livros, e por vezes quando menos esperamos aparece alguém que nos faz rescrever o que temos escrito a muito tempo.
Devemos por respeito a vida não ter medo de rescrever e devemos isso sim viver cada letra, cada palavra com carinho e ternura.
Beijos

Com tecnologia do Blogger.

Popular Posts

Contact Us

Nome

E-mail *

Mensagem *