Sentido da Vida




Olho o meu dia,
Ele é imenso, longo,
Tal qual um abismo,
Profundo e sem retorno.

Cheio de pensamentos,
De todos os "Ontens"
Dos "Amanhãs",
Busco um pouco de coerência,
Mas acho que nunca a possui na realidade.

A minha vida é feita de páginas,
Umas mal escritas,
Rasgadas, meias apagadas...
Sem fazerem qualquer sentido.

Olho a minha imagem,
Espelhada na poça das minhas lágrimas,
Um ser difuso,
Onde a imagem está tremida pelas gotas,
Que caem dos meus olhos...

Vejo a inutilidade de tanta coisa,
A vida tolamente desperdiçada,
Mal resolvida,
Cruelmente insolúvel,
Tal qual o azeite e a água...

Devia ter percebido,
Que preciso desaprender,
Tudo o que sei,
Para aprender realmente a aprender...

O Real sentido da Vida.


-----


Era - Don't you forget about me


Mom's sick, she say she cant get up.
My little brother is getting hungry.
I must go to the village and ask for some food, would you help me?
-Sure Connie, I'll help ya.
-I always feel good when you're with me.
-You're my friend Connie.
-Are you always gonna be there when I grow up, are you?
-Cross my heart.

Don't you forget about me, don't you forget about me.
We were soft and young, in a world of innocence.
Don't you forget about me, don't you forget all of our dreams.
Now you've gone away, only emptiness remains.

-I always feel good when you're with me.
-You're my friend Connie.
-Are you always gonna be there when I grow up, are you?

Don't you forget about me, don't you forget about me.
We were soft and young, in a world of innocence.
Don't you forget about me, don't you forget all of our dreams.
Now you've gone away, only emptiness remains.
Don't you forget about me, don't you forget about me.
Don't you forget about me, don't you forget about me.
We were soft and young, in a world of innocence.
Don't you forget about me, don't you forget all of our dreams.
Now you've gone away, only emptiness remains.
Don't you forget about me.
We were soft and young, in a world of innocence.
Don't you forget about me.
Don't you forget about me.

-----



This entry was posted on . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0. You can leave a response.

14 Responses to “Sentido da Vida”

Alma Nova disse...

Minha linda, é mesmo nesse "morrer" todos os dias um pouco e renascer no mesmo momento que faz da nossa vida uma constante aprendizagem rumo ao que tudo procuramos..."Ser Felizes". A vida não é uma peça de teatro, com o guião escrito à partida, é feita de encontros e desencontros connosco próprios e com os outros...e em cada um desses momentos aprendemos o que é viver. Jokitas amiga.

Sensualidade Caliente disse...

E em pequenos momentos nos esquecemos do que verdadeiramente e importante, tal como um abraço amigo, ou um ombro amigo para chorar....

Sailing disse...

adorei os teus comentarios no meu Mar ... e um prazer ter-te la a navegar ... obrigado

Lu@r disse...

Nem tudo foi mau...pois não?

Beijo meu

Nélia disse...

Caro(a)s Bloggers,


A NEGRA TINTA EDITORIAL tem o grato prazer de lançar a obra “CÂMARA ESCURA (revelação), do poeta Joaquim Amândio Santos, com prefácio de António Lobo Xavier.

Sendo esta obra mais um trabalho nascido de um escritor cuja carreira foi lançada na blogosfera, a exemplo das edições previstas e possíveis no futuro próximo desta editora, será importante contarmos com a honra da presença de bloggers nas diversas acções de lançamento da obra.

Nesse sentido, solicitávamos indicação de morada ou preferência por receber o convite por mail para negratinta@gmail.com, bem como qual dos eventos escolhem para nos honrar com a sua presença.

Lançamento e Apresentações:

31 de Maio Funchal
8 de Junho Penafiel
14 de Junho FNAC Norteshopping, Porto
28 de Junho FNAC Chiado, Lisboa
5 de Julho FNAC Coimbra


Aproveitámos ainda para solicitar que qualquer manuscrito que entendam colocar à consideração desta editora para possível publicação, seja enviado por este mail, ao meu cuidado, estando previsto editarmos até 4 obras, nascidas na blogosfera, até Março de 2008.

Saudações Literárias,

Nélia Maria Pereira
Edições e Comunicação
NEGRA TINTA EDITORIAL

lurainbow disse...

_Amas-me amor ?
_Claro que SIM.
_Não respondes-te muito convicta...!
_SIM AMO.
_Não percebo porque és tão limitada não és como as outras , deves ter alguma deficiência , alguma anormalidade qualquer ...
_SIM Amor devo ter...
_És MESQUINHA,
_ SIM eu sei AMOR...
_Não prestas , não mereces nada ...
_É verdade AMOR eu sei...
_Olha para ti, o que vês?
_SIM eu olho...
_Mas que raio fiz eu para ter que te ATURAR caramba...
_SIM amor tens razão...
_Cala-te já...
_SIM amor eu calo-me...
_Mas amas-me não AMAS , Amor ?
_SIM amo...
_Mais alto não ouvi...
_SIMMMMMMMMMMMMMM
_Estas a gritar porque???
_Porque SIM ...
_Mas isso não é resposta...
_SIM amor eu sei...
_Aprende a não rastejar... verme
_SIM amor vou tentar...
_Tentar??? tu tens que rastejar OUVIS-TE ? Ouviste bem?
_sim AMOR OUVI...
_Há bem muito bem...
_Vou sair não sei se volto hoje , tenho trabalho...
_Sim amor vai...
_Amo-te MUITO e tu sabes...
_SIM SEI.!

Grita comigo NÃO...
Beijinhos cheio de cores

suruka disse...

Eu Senti
o sentido duma vida sem sentido.

Muito provocante este texto!

bjs

AcidoCloridrix disse...

O sentido do provocatório, espectáculo.

A.S. disse...

Minha querida, o teu texto reflecte uma realidade bem actual do mundo de hoje! Todos somos actores num imenso palco actuando de improviso!


Um BeijO!

Taras disse...

Essa referência ao azeite e água está perfeita - há muitos casais por aí que são azeite e água em termos sexuais, não encaixam mesmo, por mais tentativas que façam... ou melhor, não encaixam por não fazerem tentativas...

Beijinhos!!!

impulsos disse...

Todos os dias aprendemos algo, sendo assim... a vida faz todo o sentido!
E o conhecimento faz de nós seres mais exigentes nas escolhas que se vão fazendo ao longo do caminho!

A música é lindíssima!

Beijo num impulso meu

Rafaela disse...

" Viver é mais que uma dádiva.

É sobretudo, o mágico fascínio de procurar,

a cada dia exercer o direito de ser Feliz... "



QUERO LHE DESEJAR!!!

 §ϊ§ _   _
   ( \/ )  UM _   _
  ( =ώ= )     ( \/ ) ÓTIMO _   _§ϊ§
   (_/\_)     ( =ώ= )    ( \/ ) FIM DE SEMANA!
    Υ        (_/\_)    ( =ώ= )
    ζ|      §ϊ§  Υ      (_/\_)
  __\\|//__       ζ|         Υ
▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒  __\\|//__ ▒▒        ζ|    BJUUUS!!!
▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒ __\\|//__ ▒▒▒

Sensualidade Caliente disse...

Quem és tu que assim vens pela noite adiante,
Pisando o luar branco dos caminhos,
Sob o rumor das folhas inspiradas?

A perfeição nasce do eco dos teus passos,
E a tua presença acorda a plenitude
A que as coisas tinham sido destinadas.

A história da noite é o gesto dos teus braços,
O ardor do vento a tua juventude,
E o teu andar a beleza das estradas

Um Momento... disse...

Lindo o texto
Linda a musica
Deixo uma lágrima
Para regar uma flor

Um beijo ... sentido
Jamais te esqueças de mim Amiga (*)

Com tecnologia do Blogger.

Popular Posts

Contact Us

Nome

E-mail *

Mensagem *