A Fera...


Para mim é cada vez mais difícil,
Tentar encurtar esta distância,
Quase que impossível,
Evitar a intolerância.

Tudo vai acumulando...
Até que assume uma proporção devastadora,
Sou uma simples alma sofredora,
Que ama o impossível, o impalpável...

Somos dois desconhecidos,
Ao mesmo tempo íntimos,
E totalmente interligados,
Mas por outro lado,
Completamente desintegrados.

Somos dois seres precisos...
Caminhamos juntos,
Mas um abismo,
Parece separar-nos.

Sou persistente e decidida,
Posso não te têr sempre ao meu lado,
Sou resistente aos acasos,
Mas o tempo,
Tem-me enviado recados.

A todos os instantes,
Recebo a sua visita,
Incômoda...
Inesperada,
Totalmente indesejada.

Num grito mudo,
Vem me avisar,
Que contra a distância...
É impossível lutar...

Ela é traiçoeira,
E pouca coisa tolera,
Quase posso jurar,
Que parece uma Fera.

Devora sem escrúpulos,
Todos os sentimentos,
Como se fossem a sua inesgotável,
Fonte de alimentos...

This entry was posted on and is filed under ,. You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0. You can leave a response.

14 Responses to “A Fera...”

Sol da meia noite disse...

Não te dês por vencida...
Luta sempre!

Beijinho!

multiolhares disse...

A vida nos dá dificuldades
Para a prendermos a superar
Se o conseguimos , acumulamos créditos
Como em um jogo e passamos para o nível seguinte
Há que lutar sempre não baixar os braços
beijos

Olhos de mel disse...

Existem momentos que precisamos realmente ser decididos. Pensar com a razão e não com o coração. Mas cada um de nós sabemos o que realmente se passa. Espero que fique bem!
Bom fim de semana! Fique com Deus!
Beijos

Maria José disse...

Etiquetava também nos desabafos da alma que sente e olha ao seu redor...

Jose disse...

A velha luta de procurar algo que nos fascine.
Mas miúda luta, vai em sempre move montanhas e quando conseguires nunca te esqeças de todos os dias dares valor a essa conquista.


Um beijo miuda


José

Condessa disse...

Cara Som do Silêncio, estais impaciente, muito impaciente... Como uma fera numa jaula, pronta a atacar...
Convido-te a atacar a Côrte!
Bom fim de semana e um beijo

Op.Louca disse...

Passei para te deixar um Beijinho enorme,mas é daqueles que são bem barulhentos...Ehehehehe

Bom fim de semana...( Ai que Fera..que por aqui anda à solta ) lol ; )

Simplesmente... eu! disse...

Olá!
Vim agradecer pela presença, pedir desculpa pela ausência... e dizer que voltei... mas não como solitária!
Beijinhos

Flash disse...

OK

Acabou-se o desemprego!!!

Bju

coisaseletras disse...

Silênciosamente arrepiada digo que gostei muito de todos os textos...

©õllyß®y disse...

Os abismos que separam, sem dar-mos conta, ai está ele...

Doce beijo

Diva disse...

Em cada fera... uma luta.
Bjs meus

Bouquet disse...

Olá, bonito o que li!
Por vezes parece que a distância mata todo o sentimento que pode existir...talvez não seja invencivel essa distância!
Talvez seja apenas uma pedra no caminho...mas com um pouco de luta essa distância quem sabe não se encurtará!
Deixo-te um beijo um bouquet!

Juℓi Ribeiro disse...

Querida amiga:

Lindos versos!
Bela consrução de palavras
e sentimentos.

Concordo com o que escrevestes.
A vida me ensinou que
"a brasa longe do fogo esfria"
Um abraço carinhoso.

Com tecnologia do Blogger.

Popular Posts

Contact Us

Nome

E-mail *

Mensagem *