O Caminho da Perdição...


Quero sair por aí
Pegar o meu carro e viajar

Sentir os quilómetros

Por mim a passar

A estrada sinuosa

De contornos algo misteriosos

Por vezes tortuosa

Quero sentir o veludo do estofos

Que macios a minha cútis abraçam

Tocam-me...

Tal qual as mãos experientes de um amante

Sinto-as a me acariciar

Levam-me a devaneios loucos
Quero-as a me desbravar

A velocidade estonteante

Faz a paisagem passar veloz

Apanho o caminho da perdição

Quero loucamente chegar à sua longínqua foz

Nesse leito nocturno

Tantas e tantas vezes me entreguei
Já lhe perdi a conta...

De quantas noites te procurei

Sinto o teu aroma intenso

Tal qual as flores que ladeiam a estrada

Rumo cegamente nessa escuridão

Tentando encontrar a tua morada

Eis que tristemente
Vislumbro mais uma aurora

O raiar de um novo dia

Chego a esse destino sem rumo
E fico nessa eterna agonia...

This entry was posted on and is filed under ,,. You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0. You can leave a response.

10 Responses to “O Caminho da Perdição...”

Um Momento disse...

"Eisv que tristemente
vislumbro mais uma aurosa
O raiar de um novo dia
Chego a esse destino sem rumo
E fico nessa Eterna agonia ..."

Triste... mas lindo

Beijo enorme
(*)

Mário Margaride disse...

Lindíssimo poema!

Adorei!

Um excelente fim de semana.

Beijinhos

Sol da meia noite disse...

Poema harmonioso, cheio de doçura...

Beijinho!

Gasolina disse...

Nunca estiveste só para que te queiras entregar à loucura da velocidade até à agonia.

Olha para ti: tudo é grandioso o que em ti mora.

Beijinhos, Querida Babulástica

*izil* disse...

Gostaria de também ir alem, lá fora ver a vida.....conhecer o mundo,

Maria José disse...

A desilusão do tempo de agora, ansiando pelo acordar para um outro diferente, único, sonhado, vivido.

espelhodesombras disse...

Olá, sem destino ao som do silêncio, na estrada da vida à procura...? Todos estamos nessa estrada. Gostei. beijos.

Condessa disse...

Quebramos o silêncio e juntámos-te aos nossos ilustres voyeurs. Gostei do que li por aqui.
Beijos quentes do Marquês

rosa dourada/ondina azul disse...

A vida,
mais não é que uma viagem
com destino desconhecido,


Grande beijinho, para ti,

suruka disse...

Viagem gostosa esta.

Quem me dera ir tambem.

bjs

Com tecnologia do Blogger.

Popular Posts

Contact Us

Nome

E-mail *

Mensagem *