Vôo...


Vôo...
Livre..
Como uma gaivota...
No céu azul...
Flutuo solta...

Vôo livremente...
Sinto o vento acariciar...
Subtilmente...
Os meus sentidos...
As minhas emoções...

Num afago...
Acaricia a minha alma...
E no seu toque...
Sinto um turbilhão...
De ânsias...
De paixão...

Ecoa nos labirintos...
Ainda não percorridos...
Da minha mente...
E na aquarela dos meus olhos...
As imagens vão desfilando...
E as cores pintando...

Sinalizam o caminho...
Do meu coração...
A cada movimento...
Desnudo o meu pensamento...
Com todas as minhas reticências...

E nesse diálogo mudo...
As palavras vão sendo deliniadas...
Decifrando emoções...
Antes ignoradas....

Neste vôo...
Somos amantes...
Fecundando sentimentos...
Que repousavam serenos...
Nas planícies do meu ser...

E eu renascida...
Qual uma Fênix...
Desnuda...
Vejo-te espelhado...
Nesse mar sereno...
Da minha íris...


Um Beijo Renascido...
Silênciosamente Sentido...


This entry was posted on and is filed under ,. You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0. You can leave a response.

12 Responses to “Vôo...”

Sol da meia noite disse...

Linda forma de voar...


Beijinhos!

Alexandre disse...

Um voo onde as palavras voo e vou se podem confundir, tal o desejo de

Um beijo renascido...
Silenciosamente sentido...

Espero que como Fénix ecoes pelos labirintos e fecundes sentimentos que repousavam serenos!

Também quero ser cúmplice dos teus silêncios sentidos!!!

Muitos beijinhos!!!

sony disse...

Olá Som,
Vim quebrar o silêncio deixando-te um beijo palpitante!
ouves o coração a bater?
Um beijo grande
Sony:-)

Olhos de mel disse...

Nossa, que lindo! Renascida qual Fenix, espelhar no mar da iris... precisa dizer mais?
Bom fim de semana! Fique com Deus!
Bjs

CatWorld disse...

fenis, ser lindo e com motivos de ser vaidoso!o poema e lindo!beijoca!

Drews disse...

Uma frase. depois passa no meu.

A verdade alivia mais do que magoa. E estará sempre acima de qualquer falsidade como o óleo sobre a água.

vagabundo disse...

sabes do que mais gosto?...

"Fénix...desnuda
beijo renascido"

é que eu pensava que a Fénix tinha renascido...quiçá num beijo desnudo...

mas sò porque antes nunca tinha ouvido o Silêncio...

A.S. disse...

Vim só dar uma beijoka... estava com saudades!

Vity disse...

Ola...

Mas que lindo o voo dos amantes ...
quanta paixão nestas lindas palavras....

Bom fim semana
Beijo
Vity

lisa disse...

Bonitas palavras...

:-)

gasolina disse...

Como gostei de te ler.
Renascida.

Pronta para sonhar.
Aproveitas as férias e traz-nos novos voos.

Um beijo Querida!

Um abraço Babulistico!

suruka disse...

Muito bem

como é bom voar.

Com tecnologia do Blogger.

Popular Posts

Contact Us

Nome

E-mail *

Mensagem *